Faça sua doação para nosso projeto clicando no botão ao lado.

Nossa Misso chegou ao Maranho

 Relatório da Miss. Valderez que está temporariamente no Maranhão, colaborando no campo missionário da Junta de Missões IPB.

Às vezes, missionários vinculados ao Nossa Missão são convidados a atender certas necessidade emergentes totalmente fora de sua região de atuação.


É o que está acontecendo com a Missionária Valderez Martins Damasceno, que atendendo ao pedido da Junta de Missões Nacionais da IPB, dia 09 de janeiro deslocou-se de Sergipe para a cidade de Carutapera-MA, para substituir a Miss. Irani Maria da Silva Oliveira, durante o tempo necessário para tratamento de saúde.


Até Belém a viagem foi mais ou menos tranquila, apesar dos contratempos e atrasos. Na sequência, uma viagem de ônibus que demorou mais de sete horas para percorrer os 350 quilômetros, fazendo paradas em cada povoado ou sítios para que passageiros pudessem subir ou descer do veículo.


Carutapera é uma cidade de 23 mil habitantes, com suas ruas bem delineadas, e teve seu nome em homenagem a tribo Caru, índios que moravam em taperas. Fica no extremo norte do estado de Maranhão uma região cercada por vários rios, sendo este o caminho para se chegar a cidade mais próxima, Viseu, no estado de Pará. Por rodovia há apenas uma ligação que leva a outras cidades.


É do rio que sai a principal fonte de renda dos moradores, com a pesca de peixes, camarões e caranguejos. Muitos membros da Congregação vivem desse trabalho e com seus barcos, saem dos rios e passam vários dias pescando em alto mar.
O trabalho missionário propicia que haja envolvimento com a população através do Evangelho e de apoio às ações sociais. Num rápido resumo das atividades realizadas a Missionária Valderez tem atuado nas EBD, auxiliando os 3 profesores no atendimento de 25 crianças e 10 adolescentes; nos cultos de oração; cultos de doutrina; culto nos lares e reuniões da SAF.


Boas oportunidades tem ocorrido no trabalho, como a visitação a 25 crentes e 10 não crentes, com excelente receptividade. O hospital local também foi visitado por oito vezes, permanecendo o convite para que novas visitas aconteçam.


Aguardando a retomada das atividades pela Missionária Irani, a Missionária Valderez está contatando e programando para que o Curso de Alfabetização AEI seja ministrado em Curutapera e também em Santa Helena, cidade 300 quilômetros de onde ela está.


Oremos pela saúde da Missionária Irani, pelo fortalecimento da Missionária Valderez e pela obra que Deus está realizando naquele distante lugar.
 

Galeria de imagens

Compartilhe