Faça sua doação para nosso projeto clicando no botão ao lado.

Home / Artigos

O Caminho mais difcil

Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, dia a dia tome a sua cruz e siga-me. 

Lucas 9.18-27

Introdução

A maior parte das pessoas pensa que a vida deveria ser fácil. Vida sem complicações e nem restrições.

Entretanto, você já deve ter percebido que não é bem assim que a “coisa” funciona.

Scott Peck, escreveu um livro intitulado “A trilha menos percorrida”. Ele diz que a trilha mais percorrida é a da reclamação, resmungos e gemidos. Enquanto a trilha menos percorrida é a trilha da aceitação das dificuldades da vida e da capacidade de enfrentá-las.

O que Peck diz a respeito da vida comum, é totalmente aplicável à vida que Jesus nos chama. O discipulado é difícil, mas é o único lugar onde poderemos encontrar VIDA ABUNDANTE.

O texto

Jesus começa a questionar os discípulos sobre quem Ele era. E então eles respondem: João Batista, Elias, outros profetas do passado.
Quando a pergunta é para eles Pedro atende ao chamado dizendo: TU ÉS O CRISTO.

Ótimo até aqui tudo bem.... Agora vamos conhecer Jesus.

Pedro reconhece quem Jesus é, mas não consegue entender qual é a missão de Jesus: O Filho do homem deve padecer nas mãos das autoridades.

O evangelho de Marcos narra que ao dizer isso Pedro chama Jesus à parte e repreende... “Isso Não tem que acontecer!”

Jesus diz que Pedro está agindo como um inimigo... Na verdade o que está acontecendo aqui é o primeiro ato, que a Igreja continuará a fazer por toda sua vida. Sempre tentando fugir dos sofrimentos, sempre DESEJANDO DESVIAR-SE DA TRILHA MAIS DIFÍCIL...

Você tem se desviado da trilha que Jesus andou?

Observe que Jesus usa uma palavra para a multidão e para os discípulos... “SE ALGUÉM QUISER ME ACOMPANHAR...”

Você é alguém que entende que Jesus é o Único que pode lhe dar vida plena? Você é alguém que entregou sua vida para Jesus? Você é alguém que deseja as honras de ser filho de Deus?

Então você precisa saber que caminho pegar... quando estiver diante dos caminhos: “da vida fácil” e da “vida difícil”.

Jesus aponta as dificuldades do caminho para que ninguém diga que não sabia... O Caminho de Jesus é o Único que pode nos dar vida plena:

Se quisermos seguir Jesus devemos:


1. Negar a nós mesmos

A palavra usada aqui significa “Resistir”, “rejeitar” e “recusar” ou seja, dizer NÃO para si mesmo.

Para você saber o que é negar... lembre-se de quando Jesus está preso e Pedro num súbito desejo de se livrar o nega por três vezes...

Negar a si mesmo não é negar nossos sentimentos, emoções, inteligência, ou bom senso; negar a nós mesmo significa dizer não ao nosso egoísmo; dizer não ao deus que mora no nosso coração (dinheiro, sexo, poder);

Segundo Dietrich Bonhoeffer: negar a si mesmo não é suicídio, porque ainda assim a vontade humana estaria acima da do Pai. Significa dizer sim a Jesus e não a nossa própria vontade.

2. Tomar a nossa cruz

Essa é uma das ordens de Jesus mais interpretadas erroneamente!

Quando falamos de carregar a cruz, ligamos essa idéia ao “carma” ou “penitência”. Associamos o “carregar a cruz” a coisas que acontecem na nossa vida que são ruins tais como doenças, etc.

Mas o que Jesus diz estava bem claro na mente dos ouvintes... Jesus usa a imagem de um prisioneiro levando sua cruz para ser morto.
O prisioneiro só pegava a cruz depois de ser condenado em última instância. Um homem com a cruz nas mãos era levado a abandonar todas as esperanças e ambições terrenas.

É assim que devemos estar diante de Jesus, com nossos sonhos e ambições mortos para que os sonhos dEle possam nascer em nós.


3. Perder nossa vida por Ele.

Aqui está o paradoxo do evangelho, se você quiser ter vida, você precisa perde-la primeiro.

Isso significa deixar nas mãos de Jesus nossas ambições.... e colocar a disposição dele o que nós temos.

Paulo em Filipenses 3.7-11 diz que depois de encontrar com Jesus julgou como perda todo o esforço feito anteriormente. Por que comparado com o que Jesus havia feito tudo aquilo era pouco.

Está é a comparação feita por Jesus no versículo 25... um homem que ganhou o mundo mas perdeu a alma.

Conclusão

Pode até ser que nessa caminhada cristã, não tenhamos dias fáceis, contudo, de que adianta trilhar o caminho mais fácil se ele levar para a perdição?

Sigamos o caminho de Cristo, regozijemo-nos com o sofrimento, alegremo-nos por ser considerados dignos de sofrer pelo seu nome, e desfrutemos da presença real e salvadora de Jesus enquanto caminhamos.
 

Compartilhe



Veja Também